Sad, sad, sad.

Posted on junho 19, 2010

1


Acabei de ler duas notícias que me deixaram assim. Tristonha.

Primeiramente, José Saramago morreu. Tudo bem, ele já estava velhinho (87 anos), sofria de complicações pulmonares e tal. Mas é super triste pensar que um escritor tão talentoso morreu assim, sem mais nem menos. Ele foi o único autor de língua portuguesa a receber um nobel de literatura, escreveu livros muito bons, sempre fazendo uso da crítica por trás de suas histórias. Ele tinha sido internado várias vezes, nos anos anteriores, mas mesmo assim, é triste pensar que ele se foi. Gostava do modo como ele falava da língua portuguesa e da linguagem que utilizava em seus livros. Descanse em paz Saramago. ~

Segundamente, li que Maurício de Sousa está pensando em se aposentar e arranjar outra pessoa para suceder seu posto como presidente da Mauricío de Sousa Produções. Só que não há nesse mundo, ninguém capaz de substituí-lo, porque ele é insubstituível!!! E é pior ainda pensar que ele já está com 75 anos! Ninguém nunca sabe quando vai acontecer, mas só de ler a matéria que fala sobre sua substiuição eu já chorei, imagina quando ele morrer! Não imagino o Brasil sem Maurício, não imagino o mundo sem Maurício de Sousa, meu Walt Disney brasileiro, 80% responsável pela minha alfabetização e pela minha paixão por livros. Quero poder conhecê-lo um dia ainda. Será que dá tempo? ~

“…Turn them on, turn them on,
Turn on those sad songs…” ♪

Anúncios
Posted in: Uncategorized